instagramcustom

Blog Archives:

5 hábitos pouco saudáveis para você evitar

Sei que a correria do dia-a-dia, sobretudo para quem se divide entre as tarefas de mãe, empreendedora e dona-de-casa, acaba fazendo com que a gente atropele algumas refeições, não dê a devida importância ao sono e até abra exceções para doses generosas de guloseimas.

Hábitos como esses, entretanto, podem comprometer a nossa saúde, boa forma e até mesmo o rendimento para tocar aquele projeto profissional dos sonhos.

Estaria mentindo se dissesse que eu mesma nunca faço nada disso. Mas em nome de uma vida mais leve e saudável dá para dar uma evitada nisso, não é mesmo?

Café da manhã

Pular o café da manhã pode até fazer sobrar um tempinho extra para dar uma acelerada nas tarefas e colocar as pendências em dia. No que diz respeito à nossa saúde, só tende a atrapalhar. Você pode se sentir fraca, e vai acabar compensando a fome na refeição seguinte.

Está faltando horário no seu dia? Tente acordar mais cedo. Não foi possível, paciência! Não é o mais indicado, mas dá para dividir o café da manhã com uma tarefa mais simples como responder e-mails, por exemplo. Mas jamais deixe de comer, hein?

Almoço

Comer à frente do computador compromete sua atenção e faz com que mastigue mais rápido. Se estiver difícil encaixar um horário para almoçar, convide os clientes e parceiros para uma reunião no restaurante ou em uma cafeteria. O clima agradável vai acabar favorecendo a troca de ideias.

Stress

Seja para fazer um projeto urgente de última hora, resolver um problema de um cliente mais exigente e até lidar com a falta de compromisso dos colegas, ninguém está imune às situações adversas do trabalho. Nessas horas, nada de apelar para as guloseimas, hein? Pare durante uns 15 minutos, ouça uma música, veja um vídeo do Youtube, respire fundo… Assim, você vai contornar o problema com muito mais leveza. O dia foi tenso? Um happy hour ocasional com os amigos pode dar uma aliviada no stress.

Noites em claro

Trabalhar até tarde com frequência não é saudável, e nem um pouco produtivo. Noites trabalhando só aumentam a ansiedade e, consequentemente, a fome. Dormir é essencial para recuperar a energia e preparar o corpo e a mente para mais um dia de trabalho. E sim: não finalize seu job do dia e caia na cama direto. Tire uns minutinhos para relaxar antes de dormir. Brincar com seu filhote pode ser super relaxante.

Guloseimas

Um chocolatinho aqui, uma balinha ali, um biscoitinho…Pode parecer inofensivo, mas comer essas guloseimas pode se transformar em um problemão para quem está em busca de uma alimentação mais limpa. Tenha lanchinhos saudáveis, como nuts e frutas secas, para quando a fome bater.

E, sim, se precisar de ajuda para se organizar no processo de mudança de hábitos, conte com o Vida Pós Parto. O meu programa de Coaching faz com que você se conheça melhor e elimine tudo aquilo que impede a sua evolução.

Descubra mais em: www.vidaposparto.com/coaching/

A genética influencia nos resultados da atividade física?

Que atire no chão a primeira anilha, quem nunca se sentiu frustrada por não atingir determinado tipo de corpo por causa da genética. Como posso mudar meu corpo se minha genética não favorece?

Sim, os fatores genéticos podem influenciar os resultados. A boa notícia é que não existe genética boa ou ruim. E mais: nós podem alterar a estrutura do DNA. Portanto, nada de desistir de uma vida mais saudável, porque “minha genética não favorece”.

Os fatores genéticos são expressos de duas formas: as características genotípicas, que são as internas, relacionados ao nosso DNA, e as fenotípicas, ligadas ao meio em que estamos. E é nessa segunda forma que se encontra o segredo para melhorar aquilo que não gostamos fisicamente, e que é o resultado da tal da genética.

Vários estudos sugerem que, como o fenótipo varia de acordo com o meio que estamos expostas, fatores externos podem alterar a estrutura do DNA.

Não se acomode no padrão. Não é porque você vive em constante guerra com a balança, tem os braços grossos demais ou as pernas muito finas, que não dá para mudar sua estrutura. É só oferecer estímulos para isso.

Bons hábitos, como a prática regular de atividade física, alimentação equilibrada, redução dos vícios e descanso são a chave para a melhoria da nossa estrutura física e, sobretudo, de uma vida mais leve, saudável e feliz.

Seja para emagrecer ou ganhar massa magra, procure os profissionais da Nutrição e Educação Física para te ajudar nessa.

Lembre-se que o programa de Coaching desenvolvido pelo Vida Pós Parto vai te apoiar nesse processo, fazendo com que você se conheça melhor e elimine tudo aquilo que impede a sua evolução.

10 estratégias para não descontar a ansiedade na comida

Não há problema algum em comer o seu doce preferido ou uma fatia de pizza ocasionalmente. Acho que todo mundo já entendeu que a privação não é o melhor caminho.

O que não vale é quando passamos enxergar em uma barra inteira de chocolate a solução para os nossos problemas.

Ao invés de comer um pacote inteiro de biscoito por puro tédio, ansiedade ou frustração, experimente fazer outras atividades mais gostosas, e até mesmo mais produtivas.

Dance
Coloque aquela sua música alto astral preferida para tocar e dance como se não houvesse amanhã. Afinal, quem canta seus males espanta…E ainda acumula uns créditos para um docinho no fim de semana.

Arrume o guarda-roupa
Roupas, bolsas, sapatos e outros acessórios estão espalhados pelo quarto? Tire um tempinho para organizar tudo no seu devido lugar.

Você também pode aproveitar para experimentar roupas antigas
E, assim, testar novas combinações incríveis, ou doar aquilo que não te serve mais.

Planeje um encontro com suas amigas
Reúna a turma e experimente aquele bar ou restaurante novo que acabou de abrir.

Que tal um passeio no parque?
Você pode correr, andar de bike, ler e ainda convidar os amigos para um delicioso piquenique.

Você pode testar novas receitas
Cozinhar é um passatempo delicioso em todos os sentidos. Enquanto estiver concentrada na tarefa, qualquer outra preocupação será esquecida. Depois, é só matar a fome.

Brinque com seu filho
Você pode desenhar, incentivá-lo a ler, criar um acampamento, ver um filme…Enfim, aproveite esses momentos para passar um momento de qualidade com seu filhote.

Faça suas unhas
Na manicure ou por conta própria, cuidar das unhas é pra lá de terapêutico.

Aproveite para limpar o celular
Exclua arquivos que não quer mais ou transfira para o seu PC. O mais importante é liberar espaço para novos registros inesquecíveis.

Leia
Colocar a leitura em dia é um jeito super prazeroso de aguçar a imaginação e a criatividade, além de desviar a atenção dos problemas.

Curso online: MELOdologia – Como mudar seus hábitos de vida para sempre?

É com muito prazer que anuncio o lançamento do meu curso online “Melodologia – Como mudar para sempre seus hábitos de vida“. São 12 passos que podem mudar a sua vida. A metodologia é a mesma que utilizo nos meus atendimentos personalizados e os resultados são incríveis.

Você vai aprender:

  • a resgatar a sua forma física
  • a desenvolver uma educação mais prazerosa
  • a elevar a sua auto estima
  • a melhorar o seu humor
  • a se relacionar melhor com o sua família
  • a se alimentar melhor
  • a ter hábitos saudáveis para sempre
  • a buscar a sua felicidade

Vamos juntas?

Vejam alguns depoimentos de pessoas que utilizaram a Melodologia:

“Sem amor próprio não cuidaria da minha saúde e talvez não poderia cuidar da vida dos meus dois filhos.” Átala Cardoso

“Hoje sou uma pessoa diferente. Passei por muitas reflexões, revi desejos, construí metas, retomei sonhos,coloquei mais organização na minha vida, e vi que é possível fazer se realmente quiser.” Ana Tereza

“Conhecer o projeto foi uma grata surpresa, nas sessões do Vida pós parto, explorei todos os campos da minha vida.” Suzana

*Para saber mais, clique no link que está no meu perfil.

Olha só que legal!

Além dos 12 vídeos do meu curso você ainda ganha:

  • 12 PDFs com desafios semanais
  • (e-book) Alimentação Saudável – Brenda Ribas
  • (e-book) Livre-si do Stress – Si Las Casas

Além de tudo isso você ainda participa de um grupo exclusivo no Facebook, comigo e todas as mamães que compraram o curso, para juntas, nos apoiarmos nessa caminhada. Não é demais?

Descubra mais sobre o curso online Como mudar seus hábitos de vida para sempre?

Combata a flacidez com a alimentação

Recentemente, eu dei algumas dicas para vocês protegerem a pele e garantirem um bronzeado saudável o ano todo. Hoje eu vou falar como combater a flacidez, um inimigo mortal de todas nós, mulheres.

Não é segredo para ninguém que a atividade física aumenta a circulação e ajuda enrijecer a musculatura. Combinado a isso, uma alimentação saudável é forte aliada para manter o tônus dos músculos e da pele.

A água é um item essencial, pois hidrata a pele, evita o aparecimento de rugas e ainda ajuda a eliminar toxinas.

As proteínas magras, provenientes no frango e do peixe branco, ajudam a construir a massa muscular, que deixa a flacidez bem longe da gente.

O abacate, por sua vez, é rico em gorduras monoinsaturadas, que garantem a elasticidade da pele e auxiliam na produção do colágeno. Por falar em colágeno, também vale a pena investir no feijão, castanhas, nozes, cereais integrais. Eles também ajudam a produzi-lo.

As frutas vermelhas são ricas em antioxidantes que dificultam a ação dos radicais livres. Além de serem uma delícia, não é mesmo?

Abuse das vitaminas. A vitamina E, encontrada no espinafre, couve e agrião, por exemplo, impede o envelhecimento precoce. Já a vitamina A, presente em alimentos amarelos ou laranjas, ajuda a restaurar as lesões da pele.

Essas foram algumas dicas baseadas em experiência própria e pesquisas. Para garantir um melhor aproveitamento dos alimentos e porções corretas do mesmo, procure a orientação de um médico ou nutricionista.

6 truques para economizar calorias no seu dia-a-dia

Abandonar hábitos nocivos e incluir atitudes mais positivas no dia seu dia-a-dia é bem mais eficaz e saudável do que uma dieta que te priva de um docinho todos os dias da semana. Cá pra nós, um regime muito radical não costuma adiantar em nada, só tende a nos afastar de nossos objetivos, não é mesmo?

Pequenas mudanças no jeito que a gente cozinha ou come, por sua vez, ajudam a diminuir a quantidade de calorias ingeridas e ainda deixam nossa rotina muito mais leve e saudável.

Mantenha a cozinha e a despensa sempre organizadas. Pesquisadores da Universidade de Cornell, nos EUA, avaliaram dois grupos de mulheres no mesmo ambiente, mas em situações opostas: limpo e organizado e completamente bagunçado. Adivinha só quem comeu mais? As mulheres do ambiente desorganizado comeram duas vez mais cookies, cerca de 53 calorias a mais. É que a bagunça provoca ansiedade, que muitas vezes leva à compulsão alimentar.

Que tal pedir ou comprar comida antes da fome bater? Essa é uma dica de ouro para quem começou o processo de mudança de hábitos. Um estudo publicado no Journal of Marketing Research mostrou que quem fazia pedidos pelo menos uma hora antes de comer, escolhia itens com menos calorias se comparado àqueles que ligavam já na hora do almoço ou jantar, por exemplo.

Cozinhe mais em casa. Esse é meu truque preferido e um dos passatempos mais divertidos do meu dia-a-dia. Não canso de incentivar a mulherada a investir nisso. Preparar nossa própria comida é garantia de uma alimentação saudável – sem muito óleo, sal ou açúcar – e menos calórica. Inclusive, uma pesquisa do Public Health Nutrition revelou que pessoas que cozinhavam seis ou sete noites na semana consumiam cerca de 150 menos calorias por dia do que aqueles que colocavam o hábito em prática apenas um dia ou menos.

Evite comer na frente da TV. Ou melhor: almoçar, lanchar e jantar fazendo qualquer outra atividade faz com que a gente desvie a atenção da comida ingerida. Em caso de programas, séries ou filmes muito emocionantes, é ainda pior para a forma física. Um outro estudo mostrou que pessoas que assistiam filmes de ação, comeram mais que aquelas que acompanhavam um programa de entrevistas, por exemplo.

Aposte nas proteínas. Ingerir castanhas, carne, soja e laticínios ajudam a controlar a fome no meio da tarde. É que a proteína e a gordura (boa, por favor!) garantem mais saciedade que os carboidratos.

É difícil, mas segundo a Ciência, beber café e chá puros também ajuda a controlar a ingestão calórica. Um estudo recente publicado no Public Health provou que quem bebe café puro consome 69 menos calorias no dia se comparados aos que adicionam creme, açúcar e outros extras em sua xícara. No caso do chá, são 49 menos calorias.

Que tal começar a adotar esses truques? E, sim, combinar com a prática regular de atividade física é perfeito.

  • Site desenvolvido por Agência Vetta