instagramcustom

Lancheira Saudável

Fevereiro 26, 2018

A Letícia Oliveira, Nutricionista Infantil e fundadora da Nutrininos, escreve hoje sobre as opções mais saudáveis de lanches para seu filho levar para a escola.

“Acabaram as férias e agora vem a grande dúvida: o que colocar na lancheira do meu filho?

Precisamos pensar em lanches saudáveis, que darão energia para os pequenos, tenham boa duração na lancheira, sejam atrativos e variados. Haja imaginação! Já sabemos que biscoitos recheados, sucos industrializados, refrigerante, chips e salgadinhos industrializados são péssimas opções para a rotina das crianças por serem calorias vazias, ou seja, são muito calóricos, cheios de açúcares e conservantes e não carregam quase nenhum nutriente.

É importante ofertamos um pouco de cada grupo alimentar para garantirmos um melhor valor nutricional, com nutrientes e energia para a criança.

No grupo das proteínas podemos oferecer leite, queijo branco, iogurte natural, ovo e até um franguinho desfiado no recheio de um sanduíche.

No grupo dos carboidratos podemos oferecer os pães integrais, bolos e biscoitinhos caseiros. Aqui também pode entrar o milho cozido, a pipoca, palitos de legumes, mandioca, cuscuz.

No grupo das gorduras podemos oferecer as castanhas e nozes. Para beber, a água mineral é a melhor opção, a água de coco e os sucos naturais ou integrais também podem ser boas alternativas.

O horário que a criança estuda, a rotina da escola e a idade da criança também irão fazer diferença, por exemplo, se a criança estuda na parte da manhã e almoça em casa, opte por lanchinhos mais rápidos e que não “encham” tanto a criança para não perder o apetite do almoço: fatia de queijo uma fruta e duas castanhas sem sal). Já as crianças que estudam na parte da tarde, é importante ter um lanche mais reforçado: pão, queijo e fruta.

Algumas dicas:

  • Prefira enviar as frutas inteiras pra não ficarem pretas e pouco atrativas;
  • Quando for mandar frutas picadinhas prefira as que não oxidam com facilidade (manga, melancia, morango, uva, goiaba);
  • Você pode enviar frutas desidratadas – damasco, uva passa, maçã, banana, figo – e mande muita água neste dia;
  • Prefira os sucos naturais, ou faça polpas de suco natural em casa mixando duas ou três frutas ou uma hortaliça (exemplo: maracujá com maçã e couve);
  • Prepare receitinhas de bolos e pães caseiros uma vez por mês e congele, assim fica prático para o dia a dia. Você só precisa assar diariamente. Use forminhas divertidas para variar a apresentação. Acrescente nutrientes as massas, pode ser através do purê de um legume, aveia, linhaça, castanhas;
  • O tipo da lancheira também pode influenciar no tempo que o alimento vai se manter quente ou frio. As lancheiras térmicas são as melhores opções, e algumas vêm com compartimento para gelo e garrafinha. Os potinhos para colocar os alimentos são indicados os de plásticos BPA Free. Já as garrafinhas, vale optar pelas térmicas ou as de plástico que também devem ser BPA Free.
  • Envolva a criança no preparo do lanche e na organização da lancheira. A higienização da lancheira deve ser feita diariamente para evitar o crescimento bacteriano e que os resíduos do lanchinho causem mau cheiro.”

Leave a Reply

  • Site desenvolvido por Agência Vetta