instagramcustom

Crianças e a natureza

julho 13, 2016

A memória de infância da maioria dos adultos de amanhã talvez não envolva subir em árvores, nadar no rio e nem comer uma fruta colhida direto do pé.

É bem provável que as lembranças tenham muito mais a ver com videogames, ipad e programas de TV.

Super ok que a tecnologia faça parte da rotina dos nossos pequenos, mas a ausência de contato com a natureza pode impedí-los de viver experiências incríveis.

Brincar ao ar livre é um jeito ótimo para a criança explorar os sentidos e conhecer novas sensações.
Ao ouvir o canto de um pássáro, por exemplo, seu filhote está desvendando novos sons. Pisar na grama e na terra, além de super gostoso e relaxante, coloca a criançada em contato com anticorpos, dando força total ao sistema imunológico.

Já pensou em dar a seu filho a oportunidade de tirar uma manga e comê-la direto da árvore? Você ainda pode ir além e estimulá-lo a dizer o gosto que sente.

O contato com a natureza também é fundamental para a formação da consciência ambiental. Ver uma árvore crescer ou um bichinho alimentando a sua cria faz com que o pequeno descubra como funciona o ecossistema e aprenda desde cedo a importância de preservar a natureza.

Com a praticidade da indústria, as crianças nem ficam sabendo de onde vem um alimento. Uma boa dica para mostrar como surge tudo aquilo que comemos é observar um grão de feijão brotar. Lembra da experiência do algodão? Comece por ela.

Sei que a correria do dia-a-dia impede essa relação mais próxima com o meio ambiente. Mas ter uma hortinha em casa, plantar uma flor, adotar um pet ou andar de bicicleta no parque são ótimas alternativas. Experimente-as com seu filhote.

Leave a Reply

  • Site desenvolvido por Agência Vetta