instagramcustom

Professor, eu quero uma ficha pra ficar “gigante”! Agora eu quero “cortar”

julho 23, 2015

Compreender bem estes termos, muito comum nas academias, ajudará os praticantes de
atividade física entender o que ocorre para que esses resultados aconteçam. Traduzindo: ficar
“GIGANTE” quer dizer hipertrofia muscular e “cortar”, definição muscular. Vou explicar de
forma simples como estes dois processos acontecem.

Pra começar precisamos entender que o nosso corpo não entende o que está escrito no
objetivo do programa de treino, ele entende o esforço a que ele está sendo submetido. E mais,
os resultados serão de acordo com esta exigência física real; e não com o que eu esperava que fosse.

Em um treino, seja ele de qual modalidade for, temos duas exigências básicas: a tensão que o
sistema musculoesquelético está recebendo (força) e a exigência metabólica do treino (gasto
calórico).

A manipulação destas duas exigências trarão os resultados esperados.

Aprofundando mais neste entendimento, se o objetivo é hipertrofia (ficar GIGANTE) o mais
importante é a força, ou seja, o treino deve aplicar uma grande tensão no sistema
musculoesquelético. E esta tensão deve ser grande o suficiente para, se o prescrito são 12
repetições (por exemplo), o praticante não deveria conseguir executar a 13ª repetição.

Então,eu posso até achar que o peso está adequado, mas se eu pedir pro meu aluno executar
quantas repetições conseguir e ele realizar 20, 30 ou até 40 repetições, a exigência está
subdimensionada e o resultado poderá não ser o esperado.
Por outro lado, se eu quero é “cortar” (reduzir o percentual de gordura é o mais correto), o
treino deverá ter uma grande exigência metabólica, ou seja, alto gasto calórico. Serão treinos
com pouco intervalo, exercícios mais gerais (e não tão localizados), mas deve ser intenso o
suficiente para que o gasto calórico durante a sessão seja o maior possível.

Para ambos os resultados almejados outro ponto fundamental é a alimentação, sobre o qual
não me atrevo a dar opiniões, deixando aos profissionais da área de nutrição o planejamento
nutricional adequado a cada objetivo.

Resumindo, se você está treinando com frequência e não está tendo o resultado que deseja,
saiba que está tendo o resultado exatamente de acordo com o que está treinando e se
alimentando. Se quiser ter resultados diferentes tenha uma boa conversa com seu treinador e
nutricionista expondo os resultados esperados e certamente eles virão com boa dose de
dedicação e disciplina de sua parte!

Alexandre Marques
Personal Trainer – CREF 028157-G/MG

Leave a Reply

  • Site desenvolvido por Agência Vetta